PicPay vai permitir saque e depósito de dinheiro em lojas do varejo

O PicPay já permite que usuários saquem dinheiro em caixas eletrônicos do Banco24Horas. Agora, a plataforma anunciou uma parceria com a empresa de transporte de valores Brink’s para permitir saques e depósitos em locais como mercearias e farmácias. A solução ainda está em fase de testes, mas começará a ser liberada em outubro nos mais de 230 mil estabelecimentos que usam a rede Brink’s Pay.

Quando a opção estiver disponível, o PicPay mostrará a opção de fazer saques e depósitos em lojas do varejo. Se ela for selecionada, o serviço exibirá uma tela com estabelecimentos na região que fazem parte da rede Brink’s Pay. Em seguida, será preciso apenas ir até um dos locais, pedir para sacar ou depositar dinheiro no caixa e validar a transação por meio do QR Code apresentado no aplicativo.

A novidade deve oferecer mais segurança aos trabalhadores que recebem pagamentos em dinheiro em espécie, como diaristas e ajudantes de obras, já que poderão guardar a quantia na conta digital com mais facilidade. O saldo do PicPay pode ser usado para pagar boletos, recarregar celular e bilhete de transporte, fazer compras em lojas virtuais e lojas físicas, e enviar dinheiro para outras pessoas.

Os estabelecimentos que aceitarem depósitos também servirão para fazer saques. Assim, os usuários poderão ter dinheiro em espécie sempre que precisarem, o que deve ajudar principalmente quem não mora perto de uma agência bancária. Para as lojas do varejo, a expectativa é faturamento aumente por meio de um fluxo maior de pessoas nos locais.

Com mais de 28 milhões de usuários, o PicPay passou a ser mais procurado pelos usuários por conta do pagamento do auxílio emergencial, do governo federal, e de programas como o auxílio merenda em cidades como São Paulo, Jacareí (SP) e Duque de Caxias (RJ). A empresa espera terminar 2020 com R$ 30 bilhões processados em sua plataforma.

Fonte: Mercado & Consumo | 19 de agosto de 2020.