Com sorteios, promoção de Natal deve movimentar comércio da RMR

Foto: Geraldo Moreira / Rádio Folha

Para estimular a movimentação do comércio no final do ano, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) do Recife lançou, nesta segunda-feira (9) a campanha “Natal Premiado”. Com notas fiscais que comprovem compras acima de R$ 50, os consumidores poderão concorrer a um carro, cinco televisores, cinco bicicletas e cinco vales-compra no valor de mil reais. A promoção, que vai desta terça-feira (10) até o dia 30, é válida para o comércio da Região Metropolitana do Recife (RMR). O sorteio ocorre no dia 10 de janeiro.

Segundo a CDL, mais de 5 mil lojas participam da promoção, incluindo os shoppings RioMar, Plaza, Boa Vista, Recife, Tacaruna, Guararapes, Patteo Olinda, Paulista North Way e Costa Dourada.

O presidente da CDL Recife, Cid Lôbo, afirmou que o principal objetivo da ação é movimentar o comércio e “beneficiar os consumidores”. “É uma campanha que visa a estimular as vendas e fazer com que os clientes possam ser beneficiados para além da compra.”, disse o presidente.

Para resgatar os cupons, os clientes devem levar as notas fiscais a um dos dois postos de troca, localizados no Pátio do Livramento e na Rua da Imperatriz, na região central do Recife. Também locais onde estão as urnas, os pontos de troca funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e nos sábados e domingos, das 8h às 15h. Se preferir, o consumidor pode efetuar a troca da nota pelo cupom através do site natalpremiado2019.com.br; No site, os clientes devem fazer um cadastro e, em seguida, enviar imagens das notas e comprovantes que podem ser trocadas por cupons. Os cupons gerados através do site deverão ser impressos na noite do sorteio pela organização.  

Além da promoção, uma programação especial de Natal deve ser oferecida gratuitamente nos dois pontos de troca. “Nos finais de semana, vamos ter, em nossas sedes, uma movimentação com Papai Noel, apresentações musicais, brinquedos, distribuição de doces, atividades artísticas, desfiles de moda, entre outras atividades.”

Fonte: Folha de Pernambuco | 09 de dezembro de 2019.