Black Friday: brasileiros usam mais apps de compras do que americanos

Foto: Mercado & Consumo

A Black Friday vem cada vez mais crescendo e se popularizando no Brasil, especialmente no e-commerce e no mobile. A edição do evento deste ano apresentou um crescimento de 38% na quantidade de aplicativos de compras na comparação com 2018. Os dados são de relatório da empresa de mensuração de resultados AppsFlyer e seguem a mesma tendência de um estudo realizado pela Ebit Nilsen, que indica que em 2019, o mobile foi responsável por 52% do faturamento de vendas nos dias 28 e 29 de novembro, um crescimento de 95% em relação ao ano passado.

De acordo com a AppsFlyer, são 80 apps de compras nos Estados Unidos e 70 no Brasil. Mesmo diante desta diferença, os consumidores brasileiros aderiram mais ao mobile do que os americanos durante a Black Friday de 2019. Os aplicativos considerados obtiveram uma média de mais de mil vendas diárias no período de sete dias que antecederam a data.

Os brasileiros fizeram 35 milhões de downloads de apps de compras, contra 16 milhões nos EUA. Aqui, os consumidores realizaram 4,5 milhões de compras através dos aplicativos contra 3 milhões de compras pelos americanos. Isso mostra que os brasileiros vêm adotando o mobile como seu principal canal de compras e pesquisa de produtos, e datas como a Black Friday são excelentes oportunidades para experimentar novos apps e aumentar o portfólio de opções.

Os brasileiros baixaram 181% mais apps que em 2018, considerando buscas não orgânicas. Nos EUA, o aumento foi de 27% nas instalações de apps não orgânicas.

No Brasil, mais de 12% dos usuários realizaram mais de cinco compras através de seus apps. Nos Estados Unidos, apenas 1% dos americanos realizaram cinco ou mais compras por meio de aplicativos.

Fonte: Mercado & Consumo | 04 de dezembro de 2019